sábado, 15 de outubro de 2016

Imagem via Google

Meu coração continua sendo seu...mesmo você não sabendo de tanto amor que tenho em meu peito...Se dói? Sim....e muito, mas os caminhos não foram tão bons conosco ou não soubemos levar este amor...Tão jovens, tão sem razão, apenas emoção....Tudo dividiu,separou e nos deixou....
Levo comigo o meu amor e minha dor...sempre andarão juntos!
(Bel Rech)

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Sem você!

Sem palavras, sem ar...
Sem você,sem flores...
Sem abraços,sem calor...
Sem risos...sem isso...
Sem amor...sem dor!

(Bel Rech)

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Encontro


Imagem via google

Naquele dia tudo foi perfeito...Nosso encontro, nossos olhares, corações batendo em sintonia...
Encontro de dedos, um abraço sufocante, um beijo apaixonado!
Hoje tudo tão distante,sem encontro, sem olhares, sem abraços e muito menos sem beijo apaixonado.
Somente uma saudade guardada no peito para um encontro perfeito nos meus sonhos, esperando que seja igual a mesma sensação que um dia foi...E neste sonho posso te revelar o quanto tempo venho te levando em segredo e sempre pedindo para sonhar e te encontrar mais uma vez.
Então quero sonhar sempre!
(Bel Rech)

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Doce lembrança


Imagem via Google


Chegou o dia em que olhei para trás e vi que não mais te encontraria, somente as lembranças de seu rosto. Foi bobeira, ficamos parados naquele tempo que poderíamos ter vivido mais, ter amado mais, ter sentido mais...Consigo na minha imaginação traçar a linha de seu rosto e o contorno de sua boca tão perfeitamente. Posso ainda sentir o hálito e sentir seus lábios nos meus...posso sentir seu abraço e ainda ouvir você sussurrando no meu ouvindo dizendo que me ama. Poderia esquecer? Poderia ter fingido que não via nada a minha volta, que o ciúmes não fazia parte de nós...mas impossível não sentir, se você era o melhor em tudo...Poderíamos ter aproveitado mais o tempo ao ar livre, quando nada nos impedia...ter observado mais a dança das árvores e escutado o que o vento nos dizia...Em todos os momentos que curtimos a lua cheia e sim, ela era testemunha de nossos segredos! O destino nos separou ou nós deixamos de viver o amor? O tempo foi o que nos distanciou? Nossas escolhas foram decisivas? De uma certeza eu tenho...que lembranças não podem ser escondidas debaixo de sete chaves. Pois, elas vão e voltam para atormentar em algum momento de nossas vidas...E vai se afastando para não mais voltar...quando fecho os olhos , vivo cada momento, mesmo sabendo que não poderemos mais viver o que um dia vivemos!
(Bel Rech)

terça-feira, 19 de abril de 2016

Palavras




Via tumblr


As palavras não expressam o amor que eu sinto por você!
Elas não traduzem o sentimento, a emoção...o que vai no coração...
Poderia explicar de forma simplificada, mas a compreensão vai além do que sinto...
Poderia ditar de maneira lenta e escrever de forma terna, mesmo assim não tem sentido para aquele que não sente...
Poderia esvaziar meu coração e ainda sim não teria me expressado tão bem, como eu sinto.
Lá dentro, bem no fundo a dor é profunda e solitária, pois esse amor é impossível de descrever , de ler e reler...e levo anos para poder esquecer um amor que não se mede e não se explica!
Enfim...não posso expor ...posso tentar amenizar a dor da saudade!

(Bel Rech)