domingo, 1 de setembro de 2019

Olhos nos olhos -Parte do Reencontro




Imagem Google


-Não sei se quero sofrer de novo. Agora estou saindo de sua cama, não tenho muito que pensar. Preciso que me dê um tempo.
-Tempo eu não quero, posso te propor que saíamos algumas vezes para poder mostrar que realmente quero dar uma chance para nós dois. E assim vamos aproximando aos poucos, embora prefiro essa aproximação. Chegou perto de mim e encostou-me  na parede da porta que dava para a cozinha. Prendendo minhas mãos e beijando meu pescoço. Não tinha como resistir a tudo isso, era covardia de sua parte, pois ele me deixava louca como sempre, não tinha como pensar quando fazia isso. E nada mudou no seu toque e sua sedução. Deixei-me levar por seus beijos, por sua língua que exigia cada vez mais e meu corpo não resistia a todo esse desejo. Segurou meus braços acima da cabeça com uma mão e a outra desvendou meus segredos e me deixei levar até a mesa, não tivemos pressa desta vez, foi algo para recuperar, algo para ser prolongado e deliciosamente aproveitado.
Olhos nos olhos, sentindo tudo aquilo que um dia sentimos mais maduros, conscientes dessa paixão que exigia mais do que eu imaginava. Estava sentindo o mesmo por parte dele, embora não lesse seus pensamentos, mas seu olhar cumpria essa promessa.
(Bel Rech)

Continua...

Pensativa...




Fiquei olhando para ele, me falando todas essas coisas, acabei ficando com ele, pois estava carente, pois nunca deixei de amá-lo, de sonhar, de pensar, de reencontrar, de tocar e viver esse amor que não vivemos intensamente em outra época.
Queria tanto, mas tinha dúvidas. E se ele voltasse de novo para a esposa? Se ele queria passar apenas uma noite.
-Você está me ouvindo Isabelli?
-Diga... (voltando ao que ele falava)
-Eu queria me encontrar com você antes de te encontrar na Regina, iria buscar-te  por toda a cidade. Mas tive a sorte de te encontrar. É o destino que nos levou nesta festa. Era para a gente se encontrar e nunca mais nos separar.  Eu tive muito tempo para pensar neste meio tempo, pois depois que eu e minha esposa nos separamos, queria dar um tempo fora do país para ter certeza que não era algo passageiro, que era algo que não acertamos no passado e que deveríamos resolver nossa situação. Por isso voltei, para buscar esse amor que não ficou resolvido. Até porque éramos muito jovens na época, Não sabíamos bem o que queríamos, mas tínhamos uma paixão avassaladora que não senti por ninguém mais, somente por você. Esse encontro de alma  de coração e de corpos eu sinto só contigo. Levei tempo para descobrir, mas depois desta noite não dá para evitar. Não tem como nos afastar assim como se nada tivesse acontecido e que tudo não passou de um sonho. - O que estou tentando falar é que gostaria de recomeçar de onde paramos. O que achas?

(Bel Rech)

Olhos nos olhos -Parte do Reencontro

Imagem Google -Não sei se quero sofrer de novo. Agora estou saindo de sua cama, não tenho muito que pensar. Preciso que me dê...