sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

No fundo da alma

Via Tumblr

Eu acredito em um único amor, um abraço apertado, num beijo diferente, no prazer de encostar na sua pele.Eu acredito num único olhar, somente este que não desvia e diz tudo aquilo que não é necessário palavras.
Eu acredito no amor de almas, na alma gêmea, por mais que haja desencontros, por mais que a separação seja inevitável.
Eu acredito no fundo da alma.
Eu tenho na minha alma, eu tenho seu cheiro, tenho seu gosto, tenho seu toque e o encontro de um olhar profundo que disse tudo enquanto me levava para um lugar que jamais conheceria de novo.
Eu acredito no coração que ama uma vez, que se entrega de corpo e alma por um único e eterno amor.
Simplesmente é assim que eu vejo o amor...com a certeza que se ama uma única vez no fundo da alma!

(Bel Rech)

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Existiu o cara

Via tumblr

Existiu o cara que já fez tudo aquilo que você queria que fizesse agora.Só não não tivemos maturidade o suficiente para entender que era o cara especial.
Aquele que escrevia bilhetes de amor, que arrancava uma flor no meio do caminho e que com certeza guardávamos no diário e que talvez muitas mantém até hoje.
O que esperava na saída da escola com o mais belo sorriso.E que te levava de mãos dadas pela rua dois quarteirões da escola.
Que em cada esquina parava para dar um beijo cinematográfico e que não estava nem aí para quem tivesse olhando.
Carregava tua mochila e colocava o cabelo atrás da orelha.
Que marcavam um encontro na biblioteca ou na praça central.
E tinha a maior paciência para as cenas de ciúmes e gravava as músicas do dia que se encontraram, do dia do primeiro beijo, da primeira dança numa fita cassete para escutar toda noite antes de dormir.
Que comprava uma pulseira para que levasse sempre consigo o amor que ele tinha.
Enfim esse cara existiu na melhor época de nossas vidas.

(Bel Rech)


quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Arrepender-se


Via Tumblr

Porque se arrepender daquilo que se fez um dia, que te feliz, que te levou as alturas.
Nada disso!
Viva e deixe viver aquilo que te faz feliz.Aquilo que te faz bem...
Se fomos perfeitos, se podemos acertar podemos errar, mas foi feliz por momentos...
Nada é tão perfeito que se entregar de maneira total.
O amor tem disso, ele nos leva por caminhos desconhecidos, talvez seguros ou não, mas com a certeza
de um regresso.
Feliz ou triste, não importa.
O importante é viver com coragem e enfrentar o medo com audácia.Desviar e acreditar que tudo pode ser perfeito e real.
É entregar-se de maneira livre e solta.
É viver intensamente como fosse o último e desejando que seja o primeiros de muitos outros.
É entregar-se ao prazer de ter-te sempre!
É não se arrepender daquilo que foi único e seu.

(Bel Rech)

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

O passado permanece



Imagem do Google

Quero acreditar que nada do passado possa me magoar, que eu não traga nenhuma decepção e que não me faça voltar tantas vezes para lá.
Quero também acreditar que nada que foi, voltará para assombrar meus livres pensamentos.
Enfim, por mais que eu diga que não tem volta, meus pensamentos vagueiam por lá infinitamente e permanecem sem querer voltar.
Sei que nada que foi, será da mesma maneira que queremos que seja um dia.Sim, eu quero voltar lá e dizer tudo o que sinto, tudo o que deixei de dizer e tudo aquilo que poderia ter dito e modificado.
Ter falado abertamente do meu amor, ter idade madura para aceitar aquilo que não era para ser.Não ter sofrido, não ter sentido ciúmes, não ter deixado passar em vão tudo aquilo que o amor fez acontecer.
Ter amado muito mais, ter rido dos atropelos,ter duvidado menos.
Que em meus sonhos eu não acorde, que eu me agarre em seus abraços, que me transforme em seu maior segredo.
Que estes mesmos sonhos não deixe de te amar menos, que não vacile na esquina.Que simplesmente não acorde deste doce sonho.
Não me resgaste, deixe eu viver aquilo que não vivi de forma clara e apaixonada.
Que eu me entregue sem receio e que permaneça para que eu continue a acreditar que tive você lá e nos meus sonhos.

(Bel Rech)



segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Sua visão

Imagem do Google


"Sua visão se tornará clara somente quando
você olhar para dentro do seu coração.
Quem olha para fora, sonha.
Quem olha para dentro, acorda!"

(Carl Gustav Jung)

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

O valioso tempo dos maduros-Mario Pinto de Andrade


Aos queridos leitores, venho aqui colocar o verdadeiro texto de Mário Pinto de Andrade(Angolano).Nas buscas do verdadeiro autor e sites de discussões, encontrei o autor.

Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver daqui para a frente do que já vivi até agora.
Tenho muito mais passado do que futuro.
Sinto-me como aquele menino que recebeu uma bacia de cerejas.
As primeiras, ele chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço.
Já não tenho tempo para lidar com mediocridades.
Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflamados.
Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram, cobiçando seus lugares, talentos e sorte.
Já não tenho tempo para conversas intermináveis, para discutir assuntos inúteis sobre vidas alheias que nem fazem parte da minha.
Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas, que apesar da idade cronológica são imaturas.
Detesto fazer acareação de desafectos que brigaram pelo majestoso cargo de secretário-geral do coral.
As pessoas não debatem conteúdos, apenas os rótulos'.
Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência, minha alma tem pressa...
Sem muitas cerejas na bacia, quero viver ao lado de gente humana, muito humana; que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos, não se considera eleita antes da hora, não foge de sua mortalidade,
Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade,
O essencial faz a vida valer a pena.
E para mim, basta o essencial!

Mário Pinto de Andrade
Escritor e político angolano, de nome completo Mário Coelho Pinto de Andrade.
(1928-1990)

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Encontro casual - Quero me virar



Imagem via tumblr

Mas tenho que encontrar seus olhos e a fazer a pergunta clássica. -O que aconteceu?
-Bom dia. Respondi um pouco sem jeito e tímida ao mesmo tempo.
Sua mão veio de encontro ao meu rosto e pegou-me desprevenida, senti leves choques e me retraí.
-Conseguiu dormir bem? Sua sobrancelha  levanta com um suave sorriso.
-Sim tão bem que não sei o que estou fazendo aqui?
Ele solta uma sonora gargalhada.
-Sempre com bom humor, querida!
-Neste momento não estou com bom humor, gostaria realmente de saber como cheguei aqui e porque estou sem roupas, pois não consigo lembrar-me de nada.
-Nada como um bom champanha para esquecer tudo. Parece que não lembra mesmo do que aconteceu.
-Sim, minha cabeça lateja um pouco, mas quero saber o que fizemos.
-Você não imagina? Ele levanta rápido e está com a calça do pijama.
Já estava fechando os olhos para não me deparar com ele nu, observei que continua da mesma forma física da última vez que nos encontramos,  um pouco mais magro talvez, mas os ombros largos,cintura bem torneada e musculosa.Os cabelos mais curtos e encaracolados, alguns grisalhos, na realidade continua lindo como o conheci.
-Não consigo sequer imaginar. Respondo ironicamente.
- Daiane, contarei como aconteceu.   Quando nos encontramos por um acaso, ficamos conversando até tarde e começamos com vinho e depois para o champanha. E pelo que sei você sempre foi fraca para a bebida, não deu outra. Acabou bêbada.
-Até aí tudo bem, mas o que estou fazendo aqui na sua cama e nua?
-Você acabou desmaiando e trouxe para o meu quarto, já que o restaurante é do hotel. E como dá para perceber é uma cama de casal e eu não iria dormir na sala.
Fiquei mais tranquila. Mas, tinha mais perguntas. Ele percebeu minha inquietude e continuou.
-Coloquei você no chuveiro com roupa para ver se reagiria. Já mandei para a lavanderia, deverá estar de volta logo.E a deitei sem roupa.Se a sua preocupação é que fizemos algo, não chegamos a isso, pois não estava em condições e também não iria me aproveitar de você desta maneira.Satisfeita?
-Sim, obrigado Rodrigo!

(Bel Rech)

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Encontro casual


Imagem Tumblr

Acordo e olho para o teto...onde estou?Percebo que não estou sozinha.Viro para meu lado,sinto uma respiração, cabelos encaracolados escuros e ombros largos.
Tento colocar meus pensamentos em ordem, mas minha cabeça lateja.Tento não movimentar-me e nem ao menos respirar, pois não quero acordá-lo, quero saber com quem estou.
Sim, estou recordando, encontrei no restaurante ontem a noite.Era ele, a pessoa que amei um dia e que nos separamos sem motivo aparente.
O que eu faço agora?
Minha memória está sendo acordada.Ele está aqui comigo.Como?Será que bebi tanto que não recordo da noite que passamos juntos?
Nem dos beijos, nem dos abraços e nem...
Levanto o lençol, estou sem nada e parece que ele também não está vestido.
Coloco minhas mãos na cabeça, quem sabe consigo ter respostas.
-Bom dia, dorminhoca.
Escuto uma voz sonolenta , eu não quero me virar...

(Bel Rech)

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

A vida é dura

Imagem Bel Rech


"Quando ouço alguém suspirar " a vida é dura",
eu fico sempre tentado a perguntar,
comparado a que?"

(Sydney Harris)

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Se você...




Imagem de Bel Rech

"Se você não for melhor amanhã
do que foi hoje, então qual a 
sua serventia para amanhã?"

(Rabbi Breslov)

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Expectativa 2013


Imagem de Bel Rech

2013 chegou e que mudou na minha vida? Nada!
E assim vai ser, pois se meus projetos, meus desejos que estavam lá atrás e não tiveram uma caminhada sustentada pela perseverança e paciência de que vai ser bem sucedido, de nada adianta pensar que numa virada de ano algo vai mudar num estalar de dedos.
Sim é mais um ano que finda, que nos foi proporcionado para alcançar nossas metas, que nos foi dada a chance de mudar nossas atitudes e modo de aceitar cada um com seus defeitos e qualidades.
Nada vai mudar se não nos esforçamos durante os 365 dias do ano para melhorarmos nossa contribuição com este mundo, com nós mesmos.
É muito provável que nada aconteceu depois da meia noite de 2012, se eu não fiz nada para mudar.
Não vou ter mais ou menos, vou ter aquilo que mereço, aquilo que busquei, procurei e pratiquei durante esse tempo que me foi dado gratuitamente.
Vivi todos os momentos, vivi tudo que era meu de direito e aquilo que conquistei.
Não é uma virada de ano, uma pulada de onda, uma lentilha e quantos grãos de uva que guardarei que vai  mudar a minha vida.
Essa virada de ano vai mudar se eu for capaz de entender, compreender e assimilar que nada cai do céu se não exercitarmos o dom de "SER" melhor a cada dia.
Usar uma roupa de cor amarela ou azul vai me dar esperança talvez, mas não me dará o real sentido do que ela significa.
Superstição à parte, mas sejamos realistas neste mundo em que vivemos atualmente, onde tudo está normal e natural.
Que família não é bom, que os filhos recebam tudo de mão beijada sem limite, que não aprendam a palavra "Não".Que as imoralidades que nos são apresentadas todo dia não nos comovam mais, não nos deixe chorar.
E que Roberto Carlos é brega cantando todo seu romantismo, que ele é o cara...sim ele é, pois tem coragem de cantar e encantar, que aos quarenta e poucos anos que tenho, choro a cada canção.São emoções que tocam realmente ao coração.
Falta emoção, paciência, compaixão, caridade para minha vida e tantas outras coisas aqui que poderia citar... são longas.
Esse é o verdadeiro sentido que tem um final de ano. É mais um ano que se vai e que realmente fizemos para nossa vida acomodada em todos os sentidos?
Quero 2013 seja a continuação de prática e não teorias ou palavras bonitas que vão ser lidas e esquecidas...
Quero 2013 de projetos concretizados com uma saúde de ferro para continuar no mundo real, não de fantasias.
Que seja um 2013 muito feliz para cada um!

De volta

Amigos... Desde Dezembro, tanta coisa aconteceu...Minha vida deu 360º , mas se estou feliz? Estou em paz, leve e solta...(não no sentido...