terça-feira, 19 de julho de 2011

Falando de amigos...

                                                                 Imagem do Google

O que falar do AMIGO?
Posso falar da experiência que tenho dos meus diversos tipos de amigos...Aqueles que passaram despercebidos pela minha vida, que de repente não ficaram, mas deixaram sua marca.
Ainda posso falar dos meus amigos de infância, que hoje encontro na rua, na minha cidade natal, que não fazem parte dela, mas tiveram  sua importância e foi fundamental no meu crescimento.
Foi lá na rua de casa que corremos, brincamos e na escola  descobrimos o maravilhoso mundo do saber.
Depois foi na adolescência que tive outros amigos que já não são mais esses anteriores, mas descobri que temos que ter amigos para ter segredos e descobrir também que mais de uma amiga, dá ciúme... uma fala da outra.
Mesmo que passe o tempo, tem amigos que ficaram para sempre!
E eu tenho amigos desta época, que ficaram comigo, mesmo que a distância nos separe por quilometros.
De repente não temos nada  em comum, mas temos lembranças.
Algo  ficou... a amizade verdadeira, aquela que ultrapassa todos os limites do tempo, mas não do coração.
Essas verdadeiras amizades não morrem, ficam ali guardadas para quando nos encontrarmos elas desabrochem e mostrem seu valor e seu tesouro.
Tenho amigos que ficaram em outro país, que nos falamos pela Internet ou uma vez ao ano, mas que estão ali guardadas para nosso reencontro.
Quando? Não sei, talvez nunca mais nos encontramos, mas teremos a certeza que vivenciamos muitas alegrias.
Amigos que me salvaram na hora que mais precisei e que se mostraram infinitamente generosos.
Não nos vemos mais.Eles estão lá também...guardados em um canto do meu coração.
Amigos de família, tia, primos , irmãos e mãe que esses sim são amigos mesmo que a gente não queira de vez em quando e que nós sim podemos falar um do outro, jamais outro poderá falar.
Além de sermos amigos, temos sangue familiar, é eles que jamais vão nos abandonar, é nosso porto seguro.
Amigo companheiro, que muitas vezes esquecemos que é nosso maior incentivador(depende de pessoa para pessoa), mas que eu encontrei e tenho ao meu lado, que me compreende, não me julga e não fala de mim.
Amigos da rede social da Internet, aqueles que pedem para te adicionar como amigo e passam na rua e nem te olham, tampouco sabem quem é você.
E meus novos amigos virtuais blogueiros, que cada um com suas  diversidades, os tenho como amigos, que aprendo, me emociono, rio, compadeço, sigo,me informo, me oriento e até cozinhar e costurar me tentam, sem ao menos conhecer, mas considero amigos em cada um que passo  que leio e deixo meu comentário.
Amigos de todas as raças, de todos os credos e nacionalidades, esses são MEUS AMIGOS.


4 comentários:

  1. Lindo o texto, feliz dia do amigo pra você! Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Os amigos são uma espécie de escudo, ninguém vive sozinho, já vi pessoas que tinha um apoio familiar enorme mas sentia falta de amigos.
    Eu moro numa cidade litorânea, turística, imagine vocês a quantidade de pessoas que já conheci durante as temporadas de verão, alguns vejo até hoje, uma vez a cada 3 anos.
    Alguns,principalmente os que foram mais importantes eu nunca mais tive notícia.
    Sinto falta daquele tempo, quando a galera corria na praia, fazia castelos e jogava bola.
    Tiveram outros também, pessoas que conheci ali e que acabei me apaixonando, amores de verão, são para sempre.

    ResponderExcluir
  3. Muito lindo e apropriado.Feliz Dia do Amigo com meu abraço carregado de carinho. Bjbjbj!!!

    ResponderExcluir
  4. Esse texto aqui dispensa comentários, ele é perfeito, fala tudo e um pouco mais de tudo que é a amizade. Lindo! Bjs Eliane

    ResponderExcluir

De volta

Amigos... Desde Dezembro, tanta coisa aconteceu...Minha vida deu 360º , mas se estou feliz? Estou em paz, leve e solta...(não no sentido...