domingo, 5 de fevereiro de 2012

Lembranças a mais


Imagem via Tumblr

15 de outubro de 1987-continuação
Estar aninhada em seus braços é ter a certeza que meu amanhã não será de tristezas.
As horas passam e não me trazem você.
A noite chega lenta e a chuva chora comigo.
Estou só e tudo me faz lembrar você.Olho para sua foto e sinto que está presente.
Oh! Meu amor meu pobre amor distante, como preciso de você, sinto tanto a sua ausência.
Não sei ocupar meus pensamentos que não seja você.Minhas mãos sentem teu toque, a espera de teu beijo, seu abraço, tudo em mim reclama por você.
Eu te amo..não demora!
 
"Pelo menos temos a lembrança para o dia seguinte, temos sentimentos mais maduros para o dia seguinte..."

2 comentários:

  1. Lindo e as recordações boas são um ótimo alento à espera...beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. O poema deixa escorrer o amor que tu sentes pelo teu amado. É uma mistura de desejo, envolvimento, cumplicidade. Tu isto faz a saudade.
    Abraços.

    ResponderExcluir

De volta

Amigos... Desde Dezembro, tanta coisa aconteceu...Minha vida deu 360º , mas se estou feliz? Estou em paz, leve e solta...(não no sentido...