Destino


Reencontro
Imagem via Google

Ficamos ali abraçados sem falar, apenas sentindo um ao outro até dormirmos. Quando acordei senti aquele braço forte  a me envolver.

Tentei desvencilhar-me sem acordá-lo, mas foi inútil. Senti que me segurava e puxava para mais perto. Não consegui fugir de seu abraço, de seus beijos, mais uma vez exigentes, mas suaves.

-Bom dia! Está com fome?

-Bom dia! E como estou...

-Vou fazer um café. O que quer de especial?

-Nada, café puro, nada mais.

-Seu desejo é uma ordem.


Enquanto Eduardo ia fazer o café, fiquei ali atirada na cama pensando em tudo o que aconteceu, porque fomos nos encontrar agora. Ele está separado, eu sozinha. É o acaso? Nosso destino está traçado nos dando uma nova chance?É para ser?Será que não é um sonho?

Comentários

  1. Eu acredito que tudo o que tiver que ser sempre será. Não há como fugir daquilo que é para nós...

    ResponderExcluir
  2. Oi, Bel!
    Você deu o mesmo título para várias postagens? Por isso o google não está indexando e não estou recebendo suas atualizações.
    Não existe acaso... uma paixão tem que ser vivida para não deixar o arrependimento chegar à porta!
    :D
    O 7º BookCrossing Blogueiro está chegando, preparada?
    Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Luma...fui dar uma olhada e troquei os títulos...certamente tem que ser vivida...gde beijo

      Excluir
  3. Olá, querida Bel
    Deus nos avisa se devemos arriscar ou não...
    Seja feliz e abençoada!!!
    Tem festinha no blog e vc é seguidora dele:

    http://www.espiritual-amizade.com.br/2013/11/amizade-virtual-2-anos-do-blog.html#comment-form

    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  4. Olá Bel, quando a paixão chega, tem que ser vivida, não pode deixar passar!
    Beijos
    Maria Luiza (LUlú)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Blogagem Coletiva 5ª Fase - Reintegração

Poema à boca fechada