terça-feira, 30 de outubro de 2012

Um brinde ao amor

Imagem do Google

Senti seu toque suave..me entreguei ao calor de seus dedos.
Olhei para o nada e deixei que tudo fosse perfeito.
Quando senti sua boca no meu pescoço, estremeci, já não estava mais salva.
As mãos afagavam meu cabelo levemente, com intenção de uma promessa.
Meu coração batia descompassado e podia acreditar que sairia pela boca.
Seus beijos que eram suaves já exigiam um certa urgência e eu já não podia mais controlar o que estava acontecendo.
Sabia que não teria mais volta...
A esse amor que me rendo, me entrego e levo comigo...deixo somente lembranças de uma noite
inesquecível...
Um brinde ao amor!

Bel Rech

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Transformação


Imagem Google

Que cada sonho se transforme realidade.
Que cada lágrima uma alegria.
Que cada olhar um desejo.
Que cada abraço uma paixão.
Que cada beijo um amor.
Que cada amor se torne pleno.

(Bel Rech)

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Saudades que carrego


Saudades é tudo aquilo que carrego dentro de mim, que me leva a um mundo conhecido e vivido somente por mim.
Saudades das alegrias compartilhadas, dos abraços apertados, dos beijos apaixonados, das loucuras que vivemos.
Saudades dos sonhos não experimentados, daquilo que não aconteceu.
Saudades das palavras ditas, sem pensar nas consequências, do ciumes sem controle.
Saudades das músicas que embalavam nosso amor.
Saudades do sentimento de perda e de posse.
Saudades da espera de um telefonema...de passar na rua em que morava.
Saudades dos bilhetes escondidos, do batom escrito no para brisa do carro.
Saudades dos encontros menos esperados.
Saudades do amor que senti e vivi.

sábado, 20 de outubro de 2012

O valioso tempo dos maduros por Luma Rosa


Amigos blogueiros recebi um comentário da bogueira  Luz de Luma e achei de muita importância sobre o que ela escreveu...Agradeço imensamente por ser seguidora de uma pessoa como ela, dedicada e atenta.Obrigado!!!

Aqui o comentário:
Quem circula na internet deveria ter maior zelo pelo texto alheio. Sempre quando vou publicar algo, atento para a autoria e checo, pois presenciamos absurdos, como frases atribuídas à autores famosos que na verdade são anônimas. Clarice Lispector é campeã de frases que nunca foram dela.
Acontece que algumas pessoas se sentem no direito de possuir o que é alheio. No caso do Ricardo Gondim, a comprovação que ele tem é da data da publicação do livro.
No entanto, em um post de 19 de abril de 2005, o jornalista angolano Manuel Ricardo (Pitigrili) que mora nos EUA, fez um texto em homenagem ao poeta Mário Pinto de Andrade - que não é o Mário de Andrade conhecido por nós - Que você pode conferir nesse link.
No original, são cerejas e foram trocadas por jabuticabas. Se acreditar que o sr. Ricardo Gondim é o autor, tenho também que acreditar em psicografia. Ele deve ter comigo uma tijela de jabuticaba e recebido o espírito de Mário Pinto de Andrade. Que inspiração! E olha o tamanho do caroço!
O Sr. Ricardo Gondim tem que moralmente procurar pelo jornalista Manuel Ricardo Pitigrili e questionar a sua postagem anterior a publicação do livro onde consta "O valioso tempo dos maduros". Afinal, temos um caso exclusivo de psico-psico-grafia de Mário Pinto de Andrade.

*Bel, sou tão chata com isso, que sempre quando algum amigo blogueiro coloca "autor desconhecido", saio à caça da autoria para que seja acrescentado. Mas isso também se deve a minha raiva de plagiadores.

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Passe livre

Esse filme é uma comédia, mas tem um detalhe muito importante para as mulheres:assistam sozinhas.
Os  atores Owen Wilson e Jason Sudeikis estavam cansados da vida de casados até que recebem um passe livre, para fazerem o que quiserem...mas elas também entram nessa...
                                            
                                                                      Adoro cinema
Imagem do Google

Indico, pois é muito hilário...



terça-feira, 16 de outubro de 2012

O valioso tempo dos maduros ou Tempo que foge?

Queridos blogueiros, hoje recebi um comentário em um dos meus textos "O valioso tempo dos maduros" que o autor não é Mário Andrade e sim Rubem Alves.Fiquei em dúvida e fui dar uma pesquisada e encontrei este blog Entre aqui e este em que é o autor verdadeiro Ricardo Gondim aqui com o título de "tempo que foge", o mesmo reclama que foi plagiado.
Então, decidi deixar este post e se alguém souber algo mais, por favor deixe um comentário que postarei logo em seguida.

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Palavra bondosa

Imagem via tumblr


"Você pode se lamentar muitas vezes por ter 
pronunciado uma palavra indelicada,
mas nunca por ter pronunciado uma
palavra bondosa."

(Bert Estabrook)

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Imagem do Google


"Eu segurei muitas coisas em minhas  mãos e eu as perdi;
mas tudo que eu coloquei nas mãos de 
Deus eu ainda possuo."

(Martin Luther King)

terça-feira, 2 de outubro de 2012

Poderia ser diferente


Minhas lágrimas escorrem por não poder mais te trazer para perto de mim, para o aconchego do meu abraço e pelo amor que vivemos.
Tudo poderia ter sido diferente e presente, sem culpa do passado e sem especulação do futuro.
Tudo o que carrego são lembranças de um amor mal resolvido, mal contestado, mal orientado por nós mesmos.
Não podemos de maneira nenhuma esquecer algo que marcou tão profundamente em nossas vidas, em alguma parte de nosso passado.
Não posso dizer que te esquecerei, pois algum dia fez parte da minha vida, mesmo que por pouco tempo.
Foi suficiente para deixar marcas das quais não podemos tirar assim de uma história.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Seu olhar

Imagem do Google

Me perdi no infinito do seu olhar e não queria mais voltar, pois lá não tinha como sentir dor e medo de perder-te.
Me perdi na cor deles e sem chances de voltar, lá era claro e transparente, sem mentiras.
Me perdi porque também queria ficar perdida e não voltar para a realidade nua e crua.
Como é o infinito quero acreditar em não querer voltar.
Posso me perder na realidade que encontrei no seu olhar o mais terno e doce amor...
Mas a realidade nos acorda e tenho que voltar!

Bel Rech

De volta

Amigos... Desde Dezembro, tanta coisa aconteceu...Minha vida deu 360º , mas se estou feliz? Estou em paz, leve e solta...(não no sentido...